INDÚSTRIA

Gire todos os processos da sua indústria

Além de todas as funcionalidades direcionadas à sua indústria, conte com a gestão de todos os processos relacionados com clientes, fornecedores, stocks até a tesouraria.

INDÚSTRIA

Gira todos os processos da sua indústria

Além de todas as funcionalidades direcionadas à sua indústria, conte com a gestão de todos os processos relacionados com clientes, fornecedores, stocks até a tesouraria.

PROCESSO

Ordens de fabrico

As ordens de fabrico iniciam todo o processo  produtivo, embora estas assumam de base a estrutura definida na ficha técnica, a ordem de fabrico adquire total autonomia e permite a alteração da sua gama operatória.

Produção Industrial ordens de fabrico
– Monitorização de todo o processo de fabrico;
– Estado da OF – Bloqueia registo de operações (Ex. Quando OF se encontra criada, pausada ou fechada);
– Análise de custeio previsto e real em qualquer fase e a qualquer momento;
– Entradas de produto acabado e consumo de matéria prima faseado;
– Re-cálculo simplificado do custeio de produto acabado.
Monitorização de todo o processo de fabrico;
Estado da OF – Bloqueia registo de operações (Ex. Quando OF se encontra criada, pausada ou fechada);
Análise de custeio previsto e real em qualquer fase e a qualquer momento;
Entradas de produto acabado e consumo de matéria prima faseado;
Re-cálculo simplificado do custeio de produto acabado.
Produção Industrial ordens de fabrico

FASES

Status das ordens de fabrico

Nesta fase a OF está a ser criada e indisponível para o TOUCH.
Assim que o comercial ou diretor de produção terminar de preparar a OF, altera-lhe o status para “Lançada” e esta fica disponível para o TOUCH.
A OF pode ter que ser interrompida em qualquer momento do processo. Após ser “Pausada”, esta fica indisponível para registos em TOUCH.
Produção Industrial estado ordens fabrico
Com o status de lançada ou iniciada pode começar no TOUCH a registar:
  • Tempos de mão de obra;
  • Tempos máquina;
  • Entradas de produto acabado;
  • Consumos de materiais;
  • Entradas de produto não conforme;
  • Retornos de materiais.
No estado “Lançada” após o primeiro registo em TOUCH a OF passa automaticamente para estado “Iniciada”. Esta funcionalidade permite filtrar rapidamente as ordens de fabrico que ainda não arrancaram.

FASES

Status das ordens de fabrico

Na fase “Criada” a OF está a ser criada e indisponível para o TOUCH.
Assim que o comercial ou diretor de produção terminar de preparar a OF, altera-lhe o status para “Lançada” e esta fica disponível para o TOUCH.
A OF pode ter que ser interrompida em qualquer momento do processo. Após ser “Pausada”, esta fica indisponível para registos em TOUCH.
Produção Industrial estado ordens fabrico
Com o status de lançada ou iniciada pode começar no TOUCH a registar:
Tempos de mão de obra;
Tempos máquina;
Entradas de produto acabado;
Consumos de materiais;
Entradas de produto não conforme;
Retornos de materiais.
No estado “Lançada” após o primeiro registo em TOUCH a OF passa automaticamente para estado “Iniciada”. Esta funcionalidade permite filtrar rapidamente as ordens de fabrico que ainda não arrancaram.

INFORMAÇÃO

Fichas técnicas

Reúna toda a informação de cada um dos seus artigos manufaturados num só ecrã.

As fichas técnicas suportam todos os pressupostos (operações, materiais e recursos) de uma produção e constituem a base de lançamento e operacionalização das ordens de fabrico.
As ordens de fabrico são normalmente criadas a partir de uma ficha técnica, porém estas assumem total autonomia permitindo que toda a informação (materiais, operações e recursos) possa ser alterada diretamente na ordem de fabrico.
Indústria fichas técnicas

INFORMAÇÃO

Fichas técnicas

Reúna toda a informação de cada um dos seus artigos manufaturados num só ecrã.

As fichas técnicas suportam todos os pressupostos (operações, materiais e recursos) de uma produção e constituem a base de lançamento e operacionalização das ordens de fabrico.
As ordens de fabrico são normalmente criadas a partir de uma ficha técnica, porém estas assumem total autonomia permitindo que toda a informação (materiais, operações e recursos) possa ser alterada diretamente na ordem de fabrico.
Indústria fichas técnicas

MRP

Diversos níveis nas ordens de fabrico/produto acabado.

Produção industrial MRP Ordens fabrico recursivas
Esta funcionalidade torna-se útil para indústrias com estruturas de artigos de vários níveis.
Ordens de fabrico encadeadas recursivamente permitem a gestão eficaz de todas as fases do processo produtivo.
Imagine que pretende fabricar um produto acabado que depende de produtos intermédios. Serão necessárias sub-ordens de fabrico de diferentes níveis.
Com esta funcionalidade, ao criar a ordem de fabrico “pai”, serão automaticamente criadas todas as sub-ordens de fabrico “filhos” definidas na ficha técnica do produto “pai”.
Esta funcionalidade torna-se útil para indústrias com estruturas de artigos de vários níveis.
Ordens de fabrico encadeadas recursivamente permitem a gestão eficaz de todas as fases do processo produtivo.
Imagine que pretende fabricar um produto acabado que depende de produtos intermédios. Serão necessárias sub-ordens de fabrico de diferentes níveis.
Com esta funcionalidade, ao criar a ordem de fabrico “pai”, serão automaticamente criadas todas as sub-ordens de fabrico “filhos” definidas na ficha técnica do produto “pai”.
Produção industrial MRP Ordens fabrico recursivas

Respostas às suas perguntas diárias

– Quanto custa produzir?
– Quanto custou produzir?
– Em que fase está a encomenda?
– Tenho recursos para produzir esta encomenda?
– Quais as ordens de fabrico prioritárias?
– Os meus operadores estão a ser produtivos?
– Quem produziu esta encomenda?
Produção industrial software fase encomenda ordens de fabrico
Uma força de trabalho com ferramentas que lhe
dêem poder e a envolvam no trabalho pode gerar
mais 26% de resultados por cada colaborador.
Fonte: Bersin & Associates
Produção industrial software fase encomenda ordens de fabrico
Uma força de trabalho com ferramentas que lhe
dêem poder e a envolvam no trabalho pode gerar
mais 26% de resultados por cada colaborador.
Fonte: Bersin & Associates

CONTROLO

Tempos mão de obra e centros de trabalho

Quer controlar a produtividade dos seus operadores?

Tempos_Mao_de_Obra
Seja em backoffice ou em chão de fábrica (TOUCH), a gestão dos tempos de mão de Obra e/ou máquina(s) ficam alojados e disponíveis num dossier para introdução, edição ou eliminação dos tempos.
Seja em backoffice ou em chão de fábrica (TOUCH), a gestão dos tempos de mão de Obra e/ou máquina(s) ficam alojados e disponíveis num dossier para introdução, edição ou eliminação dos tempos.

Turnos

Obtenha com este módulo custos de produção ainda mais afinados com custos de Mão-de-Obra por turnos.

A sua produção trabalha por turnos/horas extras com preços horários diferenciados?
Use a flexibilidade dos turnos para definir os diferentes horários de cada dia.
De base a solução permite definir um preço por operador sem distinguir os diferentes horários que podem existir. Com este módulo defina um custo de mão de obra para diferentes horários de trabalho e funcionário e obtenha custos de produção ainda mais afinados.
produção industrial custo mão obra por turnos
A sua produção trabalha por turnos/horas extras com preços horários diferenciados?
Use a flexibilidade dos turnos para definir os diferentes horários de cada dia.
De base a solução permite definir um preço por operador sem distinguir os diferentes horários que podem existir. Com este módulo defina um custo de mão de obra para diferentes horários de trabalho e funcionário e obtenha custos de produção ainda mais afinados.
produção industrial custo mão obra por turnos

Touch

Aumente a produtividade dos operadores com esta ferramenta.
Registe tempos diretamente em chão de fábrica.
– Registo de tempo de Mão de Obra e/ou máquina em 3 cliques (Ínicio, ID do operador, ID da OF);
– Registo de consumos;
– Registo total ou parcial de produto acabado;
– Registo de entrada de produto não conforme;
– Devolução de stock não consumido.
Registo de tempo de Mão de Obra e/ou máquina em 3 cliques (Ínicio, ID do operador, ID da OF);
Registo de consumos;
Registo total ou parcial de produto acabado;
Registo de entrada de produto não conforme;
Devolução de stock não consumido.
Registe tempos diretamente em chão de fábrica.

Interfaces touch diferentes em cada secção da produção

Cada secção pode ter necessidades diferentes e TOUCH diferentes

– Obtenha interfaces TOUCH à medida da realidade do seu processo;
– Combine tempos homem e/ou máquina de forma independente ou combinados (ex: quando um operador inicia operação, inicia automaticamente a máquina);
– Facilita o registo com a leitura de códigos de barras, entre muitas outras opções de personalização.
O registo de dados de produção manual (Dossiers) pode ser substituído por uma interface gráfica acessível aos colaboradores.
Obtenha interfaces TOUCH à medida da realidade do seu processo;
Combine tempos homem e/ou máquina de forma independente ou combinados (ex: quando um operador inicia operação, inicia automaticamente a máquina);
Facilita o registo com a leitura de códigos de barras, entre muitas outras opções de personalização.
O registo de dados de produção manual (Dossiers) pode ser substituído por uma interface gráfica acessível aos colaboradores.

TOUCHCombinado

Respeita o planeamento da ordem de produção

O TOUCH COMBINADO assenta num modelo de planeamento prévio da ordem de fabrico. É adequado para produções onde se pretende criar registos (operações) obrigatórios.
A ordem de fabrico é previamente planeada e disponibiliza no TOUCH apenas as operações previstas de serem registadas.
É permitido registar apenas os tempos e materiais que tenham sido previamente planeados sobre a sua ordem de fabrico.
As entradas de produto acabado, bem como os consumos são automaticamente pedidos assim que é registada a operação assignada na ordem de fabrico.
O TOUCH COMBINADO assenta num modelo de planeamento prévio da ordem de fabrico. É adequado para produções onde se pretende criar registos (operações) obrigatórios.
A ordem de fabrico é previamente planeada e disponibiliza no TOUCH apenas as operações previstas de serem registadas.
É permitido registar apenas os tempos e materiais que tenham sido previamente planeados sobre a sua ordem de fabrico.
As entradas de produto acabado, bem como os consumos são automaticamente pedidos assim que é registada a operação assignada na ordem de fabrico.

TOUCHLivre

Não carece de planeamento prévio

O TOUCHLIVRE assenta num modelo de flexibilidade total sobre os registos.
Apenas necessita de ter criada a ordem de fabrico, e quer tenha operações planeadas ou não, pode começar a registar (de forma livre) os tempos, dar entrada de produto acabado, consumos, etc.
O TOUCHLIVRE assenta num modelo de flexibilidade total sobre os registos.
Apenas necessita de ter criada a ordem de fabrico, e quer tenha operações planeadas ou não, pode começar a registar (de forma livre) os tempos, dar entrada de produto acabado, consumos, etc.

Relatórios Personalizados

Ferramenta totalmente embebida nesta solução

Qualquer processo está munido com layouts personalizados e de fácil edição.
Desde as encomendas, ordens de produção, passando pelas fichas técnicas poderá personalizar os seus layouts de documentos que circulam na produção de forma a estes se adaptarem à realidade de qualquer processo produtivo.
Qualquer processo está munido com layouts personalizados e de fácil edição.
Desde as encomendas, ordens de produção, passando pelas fichas técnicas poderá personalizar os seus layouts de documentos que circulam na produção de forma a estes se adaptarem à realidade de qualquer processo produtivo.

Processos de Produção

Todos os processos associados à ordem de fabrico ficam categorizados e facilmente acessíveis em dossiers.

Gestão de todas as encomendas linkadas às ordens de produção.
Definição e gestão de todos os recursos requeridos para a produção de determinado artigo produzido.
Emissão e gestão de OFs, status das OFs, planeamento das operações, reservas e cativações de matérias-primas.
Este dossier alberga a informação das matérias-primas que devem ser reservadas após lançada a OF.
Este dossier alberga a informação das matérias-primas que devem ser reservadas após lançada a OF.
Todos os processos base descritos estão todos linkados e facilmente acessíveis entre eles com apenas dois cliques.
Os processos seguintes registam movimentos de stocks e tempos e podem ser introduzidos em back-office ou recorrendo ao modo TOUCH.
Neste dossier dá-se a entrada do produto acabado e sua respetiva valorização com base na informação contida no dossier de consumos, tempos e entradas não NC.
A entrada de não conformidades regista o produto acabado produzido defeituoso e que não deve ser considerado para satisfação da ordem de fabrico, mas que deve ser contabilizado para o custo de produção da sua correspondente OF.
O Consumo de matérias-primas é aqui registado e gerido. Constitui uma das fontes de custos da valorização do produto acabado da sua correspondente OF.
E porque nem toda a matéria-prima é consumida quando esta é requisitada e registada, este dossier regista o movimento de retorno deste stock.
Tempos de Mão-de-Obra são aqui registados com o detalhe diário dos operadores e sua respetiva valorização.
O Centro de trabalho também possui tempos passíveis de ser registados com a sua correspondente valorização.

Encomendas

Gestão de todas as encomendas linkadas às ordens de produção.

Fichas Técnicas

Definição e gestão de todos os recursos requeridos para a produção de determinado artigo produzido.

Ordem Fabrico

Emissão e gestão de OFs, status das OFs, planeamento das operações, reservas e cativações de matérias-primas.

Reservas

Este dossier alberga a informação das matérias-primas que devem ser reservadas após lançada a OF.
Todos os processos base descritos estão todos linkados e facilmente acessíveis entre eles com apenas dois cliques.
Os processos seguintes registam movimentos de stocks e tempos e podem ser introduzidos em back-office ou recorrendo ao modo TOUCH.

Entrada PA

Neste dossier dá-se a entrada do produto acabado e sua respetiva valorização com base na informação contida no dossier de consumos, tempos e entradas não NC.

Entrada NC

A entrada de não conformidades regista o produto acabado produzido defeituoso e que não deve ser considerado para satisfação da ordem de fabrico, mas que deve ser contabilizado para o custo de produção da sua correspondente OF.

Consumo

O Consumo de matérias-primas é aqui registado e gerido. Constitui uma das fontes de custos da valorização do produto acabado da sua correspondente OF.

Retorno

E porque nem toda a matéria-prima é consumida quando esta é requisitada e registada, este dossier regista o movimento de retorno deste stock.

Tempo MO

Tempos de Mão-de-Obra são aqui registados com o detalhe diário dos operadores e sua respetiva valorização.

Tempo CT

O Centro de trabalho também possui tempos passíveis de ser registados com a sua correspondente valorização.

Custos de Produção Dinâmicos

O custeio nesta solução considera os principais processos base para valorizar o custo da entrada de produto acabado no fecho da ordem de fabrico.

 

Contudo em alguns sistemas produtivos uma ordem de fabrico pode demorar semanas e até meses para ser fechada, mas com recorrentes entradas de produto acabado.

 

Estes produtos acabados acabam por ter que ser valorizados de forma dinâmica e diferenciados no tempo.

 

Com esta solução garanta que o custo da entrada do produto acabado é continuamente valorizado.

Custos de Produção Dinâmicos

O custeio nesta solução considera os principais processos base para valorizar o custo da entrada de produto acabado no fecho da ordem de fabrico.
Contudo em alguns sistemas produtivos uma ordem de fabrico pode demorar semanas e até meses para ser fechada, mas com recorrentes entradas de produto acabado.
Estes produtos acabados acabam por ter que ser valorizados de forma dinâmica e diferenciados no tempo.
Com esta solução garanta que o custo da entrada do produto acabado é continuamente valorizado.
O custeio nesta solução considera os principais processos base para valorizar o custo da entrada de produto acabado no fecho da ordem de fabrico.
Contudo em alguns sistemas produtivos uma ordem de fabrico pode demorar semanas e até meses para ser fechada, mas com recorrentes entradas de produto acabado.
Estes produtos acabados acabam por ter que ser valorizados de forma dinâmica e diferenciados no tempo.
Com esta solução garanta que o custo da entrada do produto acabado é continuamente valorizado.
produção industrial at inventários permanentes
Garanta com esta solução o cumprimento da com a lei dos inventários permanentes (Artigo 12.º – Inventário permanente- DL 98/2015), mas também da portaria 126/2019 que prevê a comunicação à Autoridade Tributária e Aduaneira de inventários valorizados.

Solução

PHC CS

Esta solução assenta sobre a plataforma PHC CS Gestão tendo como requisito este módulo.

Corporate | Advanced | Enterprise

Estas gamas partilham todas as funcionalidades base e apenas diferem na capacidade de adaptação à sua empresa.

×

A solução base é munida com todos os dossiers que suportam o processo de produção.

O que ganha com esta solução?

– Maior poder de decisão;

– Controlo de custos otimizado;

– Automatismo de processos;

– Redução de erros;

– Gestão de tempo eficiente;

– Integração de todos os departamentos.

PHC

Totalmente integrado no PHC

Em qualquer gama (Corporate, Advanced e Interprise)

Software PHC solução produção industrial
Totalmente embebida no PHC esta solução requer apenas o módulo de gestão PHC CS.